É hora do #ChExit?

27 de junho de 2016

Será que é chegada a hora de sair, como muitos o fizeram, do Google Chrome na esperança de ganhar alguns megabytes de memória livre no Mozilla Firefox?

Sim, muitos usuários, cansados pelo baixo desempenho após iniciar o navegador, dado ao alto consumo de memória do Chrome acabaram migrando para outros navegadores, principalmente, o Firefox. Mas até quando essa é uma troca inteligente se ser realizada? Há boatos de alguns usuários, que inclusive, relataram que o desempenho do computador em geral tenha melhorado longe do navegador da Google. Mito ou realidade?

Vamos então realizar uma bateria de testes para verificar isso, realizaremos estes testes utilizando um computador Dell InspironIntel Core i7 – 3689Y, 8GB’s de memória e SSD de 64GB’s, rodando o sistema operacional Windows 10.

Inicialização

Ambos foram inicializados exatamente ao mesmo tempo, via software especifico para tal.

Chrome: |||||||||||||||||||||||||||||| 3,9 Segs
Firefox..: ||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||| 5,1 Segs

Consumo de memória

Medição realizada após a inicialização e estabilização de ambos navegadores na página em branco “about:blank”.

Chrome: ||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||| 59 MB’s
Firefox..: ||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||| 66,5 MB’s

Consumo de memória com sites abertos

Dez sites foram escolhidos e abertos em ambos navegadores, ambos nas mesmas páginas, com os mesmos elementos carregados no DOM/html.

Firefox..: ||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||| 652 MB’s
Chrome: |||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||| 1010 MB’s

Tempo de carregamento das páginas

Foram abertos diversos sites conhecidos no Brasil em ambos navegadores.

Chrome: ||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||| 2,6 Segs
Firefox..: |||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||| 2,9 Segs

Segurança

Uma das coisas mais importantes para um bom navegador é oferecer o máximo de segurança aos seus usuários, para esta etapa, executamos o teste online do Browserscope, que analisa 17 pontos importantes de segurança.

Chrome: |||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||| 16 pontos
Firefox..: |||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||| 15 Pontos

Conclusão

A verdade é que todos navegadores vivem no mar vermelho da competição, digladiando-se para ver quem fica com os usuários, e mesmo entre os não testados, nenhum navega nos oceanos azuis da não concorrência. Quanto às questões técnicas, nenhum navegador pareceu muito diferente do outro. Para quem usa muitas extensões e abas abertas, talvez, realmente o Firefox seja a melhor opção, dado ao teste de consumo de memória com sites abertos, em contrapartida, o Google Chrome ganha (e muito) no quesito de integração com os serviços da Google, que são quase indispensáveis hoje em dia.

Gostou? Curta e compartilhe

Deixe seu comentário