Bloqueio de internet aumenta a produtividade

18 de dezembro de 2015

Atualmente a internet é uma ferramenta indispensável para todos ambientes corporativos,  ela aumenta a eficácia operacional das empresas, facilita e aumenta a velocidade da troca de informações, além de que, atividades virtuais muitas vezes substituem atividades físicas.

Por tratar-se de um recurso à ser utilizado estritamente ao meio profissional, a administração da empresa deve buscar evitar o desperdício no uso desta ferramenta, como também manter seus funcionários focados no seu trabalho, desligando-se das suas vidas pessoais, e nisso, monitorar o acesso à internet é um dos pontos mais importantes.

Foco na vida profissional

Bloqueio de sites e redes sociais (Facebook)Com bloqueios às redes sociais, como Twitter, Facebook, mensageiros instantâneos, o foco dos colaboradores nas atividades aumenta consideravelmente. Não há como negar que as redes sociais dispersam muita atenção durante o trabalho, algumas pesquisas apontam que o tempo gasto nas redes sociais ultrapassam os 20% do período de trabalho. Naturalmente, com a atenção voltada às atividades da empresa, a produtividade aumenta. Sem acesso às redes sociais proporcionamos um ambiente com mais tempo dedicado ao trabalho, maior atenção e mais concentração. Esses pontos também podem contribuir para a qualidade das tarefas realizadas, já que não ocorrem interrupções e/ou distrações durante a execução de determinadas tarefas.

Melhor desempenho da conexão com a Internet

Além de atrair a atenção das pessoas, as redes sociais também consomem boa parte dos recursos da sua conexão com a Internet. Destaca-se nisso sites de vídeo (YouTube, Vimeo…) e os tocadores de música (SuperPlayer, Spotify…), pois o carregamento de mídias é extremamente pesado e requer recurso da rede. As redes sociais também consomem muito, já que proporcionam conteúdo com muitas imagens, vídeos e atualizações constantes, quase em tempo real.

O bloqueio da internet também previne que computadores infectados com vírus baixem mais vírus ou infectem outros computadores da rede. Ou ainda, que um colaborador desavisado consuma todos recursos da rede utilizando de algum aplicativo de download (BitTorrent, E-mule, KazaA…).

Menos riscos à segurança

As redes sociais também estão cheias de links maliciosos que podem levar um usuário desavisado à baixar diferentes tipos de vírus nos equipamentos da empresa, podendo muitas vezes infectar a rede toda. Esses vírus, além de externar informações sobre sua vida profissional na internet para seus criadores/patrocinadores, também causam lentidão, mal funcionamento dos computadores, etc. Computadores expostos à vírus podem inclusive apagar arquivos importantes da sua empresa.

Além disso, um servidor firewall por exemplo, realiza a filtragem de todas conexões realizadas da internet para os computadores da sua empresa, que hoje, são filtradas diretamente pelos dispositivos, ficando extremamente vulnerável, principalmente quando o sistema operacional não está corretamente atualizado e protegido.

Redução de custos com equipe

Obviamente, com colaboradores mais focados e produtivos, sua empresa conseguirá entregar tarefas mais rapidamente. Com isso é possível aumentar a quantidade de tarefas executadas, ou mesmo pensar em uma redução da equipe.

Para dimensionar os custos relativos ao tempo gasto em acessos às redes sociais, podemos fazer um calculo simples:

Segundo pesquisas, 20% do tempo de trabalho é gasto nas redes sociais. Em uma equipe de 6 pessoas, com salário médio de R$ 1.000,00, o custo mensal chega à R$ 1.200,00, valor correspondente à um sétimo colaborador.

 

Como funciona

Atualmente, a internet da sua empresa provavelmente é distribuída através de um modem, roteador, ou modem-roteador provido pela sua operadora de telecom (Oi, GVT, NET, Telefônica, ViaCabo…). Depois de chegar neste equipamento, o sinal de internet é diretamente distribuído a todos equipamentos (computadores, celulares, tablets, impressoras, etc).

Rede normal (sem firewall)

É neste ponto, entre a chegada da internet e os computadores, que colocamos um servidor que funciona como filtro, inibindo conexões indesejáveis à nossa lista (seja de listagem branca ou negra).

Rede segura (com firewall)

Aqui também atua o armazenamento temporário, chamado de cache. Ele guarda as páginas visitadas em um espaço de memória e disco no servidor, para quando uma nova conexão à determinado site for realizada, não é necessário buscar novamente via internet tal página, entregando o resultado quase que imediatamente no dispositivo que realizou o acesso.

Funcionamento do cache

 

Para mais informações entre em contato conosco, estamos à disposição para realizar a implantação dessas políticas com sucesso na sua empresa, tornando sua equipe mais produtiva.